Cineclube da Morte

Atores em cena do filme "A Partida" (Japão, 2008), dirigido por Yôjirô Takita. (Foto: Divulgação)

A partir de agosto, o Caixa Belas Artes, em parceria com a Dra. Ana Claudia Quintana Arantes, promove o Cineclube da Morte. Também participa dos debates após os filmes o consultor Tom Almeida. As sessões serão realizadas sempre às terças, uma vez por mês, às 19h30

>> Caixa Belas Artes, sala 3 (rua da Consolação, 2.423)
>> R$ 20 (inteira)

Confira os próximos filmes que serão exibidos pelo cineclube:

“A PARTIDA”, de Yojiro Takita
Oscar de filme estrangeiro em 2009. “Traz o aspecto cultural da morte entre os japoneses, que acreditam ser importante honrar a história da pessoa e que o corpo seja fiel ao que ele foi em vida.”
QUANDO: 08/08, às 19h30

“INVASÕES BÁRBARAS”, de Denys Arcand
Oscar de filme estrangeiro em 2004. Em seus últimos dias, homem reúne amigos, ex-amantes e o filho. “É uma bênção proporcionar um bom final de vida para o outro.”
QUANDO: 12/09, às 19h30

“MAR ADENTRO”, de Alejandro Amenábar
Oscar de filme estrangeiro em 2005. História real de um tetraplégico que lutou pelo direito de suicídio assistido. “No pacote da negação da morte em boa parte da cultura ocidental pode também estar contido o desrespeito a escolhas do paciente, em prol da manutenção de uma vida que talvez não se deseje mais.”
QUANDO: 03/10, às 19h30

“O QUARTO DO FILHO”, de Nanni Moretti
Palma de Ouro em Cannes 2001. Família enfrenta a morte do filho em um acidente. “Embora todos saibamos que vamos morrer, a morte de um ente querido pode ser muito dolorosa quando a ‘lógica etária’ é invertida, ou seja, o filho morre antes dos pais.”
QUANDO: 07/11, às 19h30

“Truman”, de Cesc Gay
Ricardo Darín vive um ator cujo câncer se espalhou. “O filme nos leva a pensar nos tratamentos de oncologia atuais.”
QUANDO: 12/12, às 19h30

Deixe sua opinião

Digite eu comentário
Digite seu nome